Gamificação na sua empresa

Saiba como implementar a gamificação dentro da sua empresa

Manter uma equipe sempre motivada é um desafio para a maioria dos gestores. Afinal, cada pessoa tende a se engajar em determinadas atividades por motivos diferentes. Porém, existem algumas formas de conseguir um resultado geral mais satisfatório — por meio da gamificação na empresa. Se ao jogar você já perdeu a noção do tempo, certamente sabe como essa atividade pode ser motivadora.

Mas primeiro é importante entender esse conceito. Gamificar não é exatamente o mesmo que “tornar algo um jogo”. Em essência, você usará alguns dos principais aspectos dos jogos para engajar seu time em suas tarefas diárias. Os games usam uma série de técnicas para manter as pessoas concentradas e em busca de seus objetivos. Se você souber como usá-las, pode alcançar um efeito similar em sua empresa.

Para te ajudar com essa tarefa, trouxemos aqui 3 dicas simples para começar a implementar essa estratégia no seu negócio. Confira!

1. Comece com um objetivo

O ponto central de qualquer jogo é o objetivo, seja ele derrotar o oponente, ser o primeiro a alcançar a última casa ou acertar uma bolinha em um copo. Sem uma meta clara, é mais difícil se engajar em qualquer atividade. O mesmo vale quando a meta em questão parece exageradamente difícil ou mesmo irrelevante.

Primeiro, avalie quais são os objetivos da empresa e dos seus colaboradores. Com base nisso, você pode gerar metas que sejam desafiadoras, mas que ainda pareçam perfeitamente plausíveis. Se houver muita facilidade, seu time não sentirá a necessidade de se esforçar. Por outro lado, se o nível de dificuldade for muito alto, você não conseguirá nada além de frustração e desistência.

2. Ofereça recompensas de acordo com os resultados

Um aspecto fundamental da gamificação na empresa é que cada meta atingida deve ter uma recompensa direta. Se você corre atrás de um objetivo apenas por correr, é bem provável que fique cansado e desmotivado depois de um tempo. Mesmo que a diversão do jogo seja uma recompensa, ela não se mantém para sempre.

Para evitar esse desgaste, é importante que haja algo a mais no fim dessas atividades. Para isso servem as recompensas. Apenas se lembre de consultar seu time para ver o que seria de maior valor para eles. Uma viagem, uma promoção, um bônus etc. Se a recompensa for relevante, eles se esforçarão mais para alcançá-la.

3. Mantenha uma rotina de feedback

Algo que tende a desmotivar qualquer profissional é a falta de feedback. Não é necessariamente a ausência de alguém julgando seu trabalho, mas sim de uma confirmação do resultado. Tente se imaginar participando em um jogo de cartas no qual você só sabe o que aconteceu depois que vence ou perde. Dificilmente você voltará a jogar, não é?

Para que esse não seja o caso, a gamificação na empresa segue a regra do feedback rápido. Quanto antes for possível descobrir os resultados das suas ações, mais rápido elas poderão ser corrigidas, sem perder energia extra em algo que não está gerando bons resultados.

Agora que você conhece essas dicas, pode começar a aplicar a gamificação na empresa para melhorar o desempenho do seu time. E para começar com o pé direito, que tal contar com uma ferramenta profissional? Entre em contato conosco e conheça nossa plataforma agora mesmo!

Compartilhe o Post

Share on linkedin
LinkedIn
Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Previous
Next